Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Quarta-Feira, 01 de Dezembro de 2021 - 09:06
17/09/2019 as 13:21 | Por Portal Santarém |
Incêndio controlado, porém, levou desespero aos moradores da APA Alter do Chão
Prefeito Nélio Aguiar presenciou cena de uma mãe desesperada
Fotografo: Portal Santarém
Para salvar filhos, mulher usa pedaço de árvore para apagar incêndio

Confirmado por órgãos de segurança, como um dos maiores desastres ecológicos do Estado do Pará, um incêndio que iniciou no último sábado, 14, e se estendeu até o início desta terça-feira (17), na Área de Preservação Ambiental (APA/Alter do Chão), registrou momentos de pânico e desespero de moradores do local.

Na manhã de domingo, 15, na ocasião em que foi ao local do incêndio, o prefeito de Santarém, Nélio Aguiar (DEM), relatou que se deparou com o momento de aflição de uma moradora.

"Ao chegarmos ao local, nos deparamos com uma moradora com um pedaço de pau na mão que tentava desesperadamente apagar o fogo. Ela nos relatou que seus filhos fizeram o seguinte pedido: 'Mãe vai lá apagar esse fogo, não deixe o fogo chegar na nossa casa'. Ela sabia que sozinha não ia conseguir, mas estava lá fazendo a parte dela", declarou o prefeito Nélio Aguiar.

FORÇA TAREFA

Na manhã de segunda-feira, 16, segundo o tenente BM, Albert Lira, aproximadamente 150 pessoas, entre brigadistas voluntários e militares do Corpo de Bombeiros, do Exército e da Polícia Militar, continuaram os serviços de combate às chamas, no local da tragédia. Porém, ainda na segunda-feira, o incêndio foi controlado próximo à Comunidade de Ponta de Pedras.

"A situação está controlada. O que ainda persiste são alguns focos isolados", revelou o tenente Albert.

INVESTIGAÇÃO

A Polícia Civil do Pará montou uma força-tarefa para investigar o incêndio registrado nos últimos dias em uma Área de Preservação Ambiental, situada na vila balneária de Alter do Chão, em Santarém, oeste do Pará. Ao todo, cinco Unidades Policiais estão designadas para atuar na apuração dos fatos na região. Na segunda-feira, 16, o delegado Jamil Casseb, titular da Superintendência da Polícia Civil do Baixo Amazonas, se reuniu na sede da Polícia Civil em Santarém, com as equipes policiais que fazem parte do trabalho investigativo.

INDÍCIO DE CRIME

No início desta semana, os investigadores teriam encontrado um abrigo com galões de combustível, no local onde teria começado o incêndio, no sábado. Esse fato levou a Polícia Civil a acreditar que se trata de incêndio criminoso. A Polícia trabalha para identificar os supostos autores do crime ambiental.

Por: Manoel Cardoso

Fonte: Portal Santarém

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil