Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Domingo, 23 de Janeiro de 2022 - 01:57
12/01/2022 as 14:12 | Por Redação |
Aumento de pacientes infectados por gripe faz faltar remédios nas farmácias de Santarém (PA)
Vírus da gripe está provocando a falta do remédio mais prescrito pelos médicos, o Tamiflu, bem como Neolefrin, Decongex, Cimegripe, Multigripe, etc
Fotografo: Reprodução
Em algumas farmácias da cidade as prateleiras de remédios para gripe estão praticamente vazias

O aumento da demanda de pessoas acometidas por síndromes gripais, nos últimos dias, resultou na falta de medicamentos de combate à doenças respiratórias em Santarém, oeste do Pará.  

 

Quem procurou as farmácias da cidade, nos últimos dias, constatou a falta dos medicamentos.  

 

Estoques de antigripais, descongestionantes nasais, xaropes e sprays de própolis, que não precisam de receita médica, estão quase vazios. O surto de H3N2, um subtipo do influenza, o vírus da gripe, também está provocando a falta do remédio mais prescrito pelos médicos para o combate ao vírus, o Tamiflu, bem como Neolefrin, Decongex, Cimegripe e Multigripe. 

 

As farmácias também registraram um aumento nos últimos dias na procura de outros remédios que contém vitamina C e corticoides.  

 

“A amoxicilina com clavulanato de potássio, antibiótico, está em falta. Também tivemos alta na procura por Vitamina C efervescente, Cimegripe, Dipirona e Paracetamol, por exemplo”, revelou uma funcionária de uma farmácia de Santarém. 

 

Por: Manoel Cardoso 

Fonte: Portal Santarém 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil