Fundador jornalista Jerffeson de Miranda
Aos 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925

Santarém(PA), Sábado, 22 de Junho de 2024 - 08:47
22/04/2024 as 13:17 | Por Redação |
Profissional do Regional do Tapajós alerta para cuidados com saúde respiratória
Médica pneumologista do Hospital em Itaituba, Jane Sena orienta sobre ações simples, como evitar a exposição prolongada à fumaça de cigarro
Fotografo: Agência Pará
Dra. Jane Sena reforça ainda a importância da vacinação contra doenças respiratórias

No contexto pós-pandemia, cuidar dos pulmões é mais importante do que nunca. Mas, como mantê-los saudáveis para evitar doenças respiratórias? A Região do Tapajós tem registros de diagnósticos voltados para doenças pulmonares obstrutivas crônicas, por isso, a médica pneumologista, Jane Sena, atuante no Hospital Regional do Tapajós (HRT), em Itaituba, sudoeste do Pará, destaca a importância dos cuidados com a saúde respiratória. 

"As infecções pulmonares são uma realidade que não podemos negligenciar. Na nossa região, onde a prevalência de doenças pulmonares crônicas é significativa, é vital que cada indivíduo compreenda a importância de preservar a saúde dos pulmões", afirma a doutora Jane Sena. 

A prevenção, diz a médica, é a chave para evitar complicações. Ações simples, como evitar a exposição prolongada à fumaça de cigarro e aos poluentes atmosféricos, são passos fundamentais. Além disso, manter-se em ambientes arejados e bem ventilados contribui para a saúde respiratória. 

A doutora Jane reforça ainda a importância da vacinação contra doenças respiratórias, especialmente para os grupos de risco. "As vacinas são uma ferramenta poderosa na proteção contra infecções pulmonares graves. Não subestimem sua eficácia", enfatiza a médica. 

O diretor-geral da unidade, Rafael Meskau, reforça a importância da conscientização e da busca por cuidados preventivos. "Estamos aqui para oferecer o melhor atendimento clínico possível. É importante que todos estejam atentos a essas orientações e busquem sempre o acompanhamento médico adequado para manter a saúde respiratória em dia", conclui o diretor. 

Administrado pelo Instituto Social Mais Saúde (ISMS), em parceria com a Sespa, o Hospital Regional do Tapajós conta com 153 leitos de internações, sendo 81 clínicos cirúrgicos, 19 clínicos médicos, 20 UTI adulto, 10 UTI pediátrica, 10 UTI neonatal, 8 ginecológicos e obstétricos e 5 leitos UCI Canguru. 

Com informações da Agência Pará

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil