Fundador jornalista Jerffeson de Miranda
Aos 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925

Santarém(PA), Sábado, 22 de Junho de 2024 - 09:42
17/10/2023 as 10:37 | Por Redação |
No Dia Nacional da Vacinação, Semsa reforça a importância de manter a caderneta atualizada
A vacinação é uma das medidas mais eficazes para prevenir doenças e proteger a saúde pública
Fotografo: Reprodução
Confira os imunobiológicos, locais e horários disponíveis.

A vacinação é uma das medidas mais eficazes para prevenir doenças e proteger a saúde pública. Por isso, a Prefeitura de Santarém, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), destaca a importância de manter a carteira de vacinação atualizada no Dia Nacional da Imunização, celebrado nesta terça-feira, 17. Nas Unidades Básicas de Saúde (UBS's), da rede municipal, as vacinas estão disponíveis de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, para garantir uma ampla cobertura vacinal. Alguns imunizantes seguem cronogramas estabelecidos pela rede de frio. 

  

As vacinas são gratuitas e são administradas de acordo com o público-alvo, seguindo todas as diretrizes do Ministério da Saúde (MS). Com um leque vasto de vacinas disponíveis, desde a infância até a terceira idade, o Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Brasil visa manter a imunização da população em dia e evitar surtos de enfermidades que podem ser prevenidas pela vacinação. 

  

Imunobiológicos disponíveis no município 

Vacinas de rotina 

BCG: Protege contra tuberculose, ministrada a recém-nascidos. 

  

Hepatite B: Previne a hepatite B com doses a partir do nascimento. 

  

Tetravalente (DTP/Hib/Hep B): Cobertura contra difteria, tétano, coqueluche, Haemophilus influenzae tipo b e hepatite B. 

  

Pentavalente: Além das doenças anteriores, protege contra poliomielite. 

  

Rotavírus: Combate infecções pelo rotavírus, uma das principais causas de diarreia em infantes. 

  

Meningocócica C: Defende contra a meningite do sorotipo C. 

  

Tríplice Viral: Resguardo contra sarampo, caxumba e rubéola. 

  

Hepatite A: Proteção contra hepatite A. 

  

HPV: Previne cânceres associados ao HPV. 

  

Influenza (Gripe): Recomendada anualmente a grupos específicos. 

  

Febre Amarela: Crucial para quem reside ou visita áreas de risco. 

  

Pneumocócica Conjugada: Defende contra infecções por pneumococos. 

  

Vacinas de campanha: Pfizer Bivalente, Pfizer pediátrica, Pfizer baby. 

  

Todas as UBS's possuem as vacinas mencionadas. O horário da sala de vacina é das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira. Para tomar as vacinas, é importante que a população visite, preferencialmente, a unidade próxima da sua casa, levando consigo documentos pessoais, cartão de vacinação e o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). 

 

De acordo com dados da rede de frio da Semsa, foram aplicadas 713.911 vacinas da Covid-19, da 1ª a 4ª dose, desde o início da campanha. De janeiro até hoje, 112.759 pessoas foram imunizadas com a vacina da Influenza (gripe). No que diz respeito as vacinas de rotina, somente neste ano, foram administradas 19.874 doses de vacinas de rotina (BCG, VHB, Rotavírus, Meningo C, Hepatite A e B, Penta, Pneumocócica, Poliomielite, FA, TV, DTP, DTPA, Varicela e DT). 

 

A titular da Semsa, Irlaine Figueira, destaca a importância vital da vacinação. 

 

"A imunização é essencial para prevenir surtos e epidemias, além de reduzir o impacto dessas doenças em nossa sociedade. Ao se vacinar, evitamos complicações graves, hospitalizações e até mesmo óbitos. Por isso, fazemos um apelo para que aqueles que ainda não se imunizaram procurem a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa e atualizem seu esquema vacinal. Juntos, podemos garantir a saúde e o bem-estar de todos". 

 

Para algumas vacinas, foram criados cronogramas de imunização para evitar o desperdício. A enfermeira Katia Moura explica que "após abrir um frasco de vacina, o profissional de saúde tem algumas horas para administrá-la, senão pode perder o imunizante restante no recipiente. Um frasco pode imunizar até 10 pessoas. Por isso, decidimos concentrar a vacinação em pontos estratégicos para que a procura seja maior e possamos utilizar todo o frasco, otimizando as aplicações e evitando perdas".

 

 

Por: Katrine Bentes/Semsa-PMS 

Fonte: Portal Santarém 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil