Fundador jornalista Jerffeson de Miranda
Aos 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925

Santarém(PA), Terça-Feira, 28 de Maio de 2024 - 07:27
20/03/2024 as 13:52 | Por Redação |
Em Óbidos, merendeiras que atuam no município participam de curso de manipulação de alimentos
A capacitação beneficia 40 servidoras e conta com apoio do Sindicato dos Produtores Rurais de Óbidos e do SENAR
Fotografo: Reprodução
A capacitação iniciou na terça-feira, 19, no auditório da Escola Municipal Dom Floriano Loewenau

A Prefeitura de Óbidos, por meio das Secretarias Municipais de Educação (Semed) e Desenvolvimento Social (Semdes), em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Óbidos, está promovendo o curso de manipulação de alimentos para merendeiras que atuam na área educacional e na assistência social. 

  

A capacitação iniciou na terça-feira, 19, no auditório da Escola Municipal Dom Floriano Loewenau, no bairro da Cidade Nova, e conta com aulas práticas e teóricas com duração de 40 horas.  

  

O curso 

O curso está sendo ministrado por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e acontecerá em dois momentos distintos, com duas turmas. Neste mês, na primeira turma estão sendo formadas 20 merendeiras; na segunda turma, mais 20 servidoras serão capacitadas e o curso será realizado na primeira semana de abril. 

Joilson Dutra, instrutor do SENAR e facilitador do curso.

  

O nutricionista Joilson Dutra, instrutor do SENAR e facilitador do curso, destacou a importância da capacitação para as profissionais que trabalham no preparo das refeições. 

  

“Esse curso é uma obrigação da legislação sanitária que rege que todas as pessoas que trabalham com alimentos, devem possuir o curso de manipulação de alimentos para poder atuar na área. Nós sabemos que os alimentos são fontes de contaminações e doenças, e no curso elas receberão as orientações para aprimorar seus conhecimentos do dia a dia”, disse Joilson.

Maria de Jesus, participante do curso. 

  

Atuando há 22 anos com a manipulação de alimentos, a merendeira Maria de Jesus, está com grande expectativa para aprimorar sua profissão com as aulas práticas e teóricas do curso. 

  

“As expectativas são as melhores porque a gente busca esse conhecimento. Eu espero colocar em prática todo esse aprendizado do curso para o nosso público que são as crianças. Eu trabalho há 22 anos nessa área e pra mim é muito gratificante aprender cada vez mais”, afirmou Maria. 

  

O trabalho de merendeira escolar é fundamental para o desenvolvimento saudável dos alunos. A profissão é responsável por preparar o lanche dos estudantes, garantindo qualidade e sabor a cada refeição. 

Maria Zilda Bentes, Secretária da Semed.

  

A secretária municipal de educação, Maria Zilda Bentes, reforçou a necessidade do curso para organizar as funções de merendeira e auxiliar de serviços gerais nas escolas do município. 

  

“Há muito tempo a gente vem tentando organizar a questão de merendeiras nas escolas, agora é obrigatório, porque antes, as ASG’s faziam todo o trabalho de limpeza da escola e a manipulação de alimentos, atualmente isso mudou, e são novas regras que nós precisamos nos adequar. O governo do prefeito Jaime Silva está trabalhando para seguir as orientações e o curso vem contribuir com esse processo”, ressaltou a secretária.  

  

De acordo com a Semed, a capacitação também será promovida para as profissionais que atuam com a manipulação de alimentos em escolas do meio rural, essa organização se dará por meio das escolas-polo.  

 

 

Serviço 

Curso de Manipulação de Alimentos – Turma 1 

Data: 19 a 22 de março de 2024 

Local: Auditório da Escola Dom Floriano Loewenau 

Vagas: 20 participantes 

  

Curso de Manipulação de Alimentos – Turma 2 

Data: 01 a 05 de abril de 2024 

Local: não informado 

Vagas: 20 participantes 

 

Por: Marcos Cantuário, com fotos de Odirlei Santos/Ascom/PMO 

Fonte: Portal Santarém 

 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil