Fundador jornalista Jerffeson de Miranda
Aos 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925

Santarém(PA), Sábado, 22 de Junho de 2024 - 08:57
03/03/2024 as 08:19 | Por Redação |
Agentes de endemias fazem ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti em Santarém
Visitas visam educar a população sobre como combater esses focos.
Fotografo: Agência Santarém
As visitas domiciliares visam eliminar os locais de reprodução dos mosquitos transmissores de Dengue, Chikungunya e Zika

Os agentes de endemias de Santarém estão focados em combater o mosquito Aedes aegypti, que transmite doenças como dengue, chikungunya e zika. Dentre as ações estratégicas, estão as visitas domiciliares que visam eliminar os criadores de reprodução do mosquito transmissor, além de educar a população sobre como combater esses focos. Essas ações são coordenadas pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), pelo Núcleo Técnico de Vigilância em Saúde (NTVS).   

 

No dia 29 de fevereiro, a Semsa, em colaboração com instituições de ensino superior e técnico (Ufopa, Uepa, Iespes, Fametro e Cepes), juntamente com as forças de segurança pública (Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Exército), promoveu uma ação nos bairros com maior incidência do mosquito. Foi realizada a visita a 1902 imóveis nos bairros Cambuquira e Matinha, onde foram realizadas orientações, vistorias e inspeções em caixas d'água, calhas, pneus e vasos, visando eliminar possíveis criadouros do mosquito. Também foi realizada a coleta de resíduos que poderiam servir como criadouros, além da coleta de exames de dengue. 

 

O coordenador dos agentes de endemias, Edvan Lopes, destaca as ações realizadas pela equipes na cidade. 

 

“Primeiro, realizamos o LIRA (Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti) para identificar os focos do mosquito, em seguida, procedemos com a eliminação dos mesmos. Realizamos o LIRA a cada dois meses e seguimos com a eliminação imediata. O lira serve p gente monitorar a evolução da infestação e trabalhar de maneira mais eficaz. Temos uma equipe com mais de 80 agentes que trabalham no combate às endemias em todos os cantos da cidade.“ 

 

O titular da Semsa reforça o trabalho necessário, realizado em parceria. "O comprometimento das equipes de agentes de endemias em Santarém, coordenadas pela Secretaria Municipal de Saúde, é notável e essencial para a proteção da nossa comunidade contra doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. As ações estratégicas, como o LIRA e as visitas domiciliares, evidenciam a seriedade e eficácia do trabalho realizado. O apoio das instituições de ensino superior, das forças de segurança pública e de toda a equipe é fundamental. Estamos empenhados em promover a saúde e bem-estar da população, combatendo incisivamente os criadouros do mosquito transmissor. Juntos, fortalecemos a defesa contra a dengue, chikungunya e zika, demonstrando que a saúde pública é uma prioridade para Santarém," disse Albino Luciano, Secretário Municipal de Saúde de Santarém. 

 

Por: Katrine Bentes/Ascom-Semsa 

Fonte: Portal Santarém 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil