Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Quarta-Feira, 01 de Dezembro de 2021 - 10:06
15/10/2021 as 15:52 | Por Redação |
Prefeitura realiza neste sábado (16) Dia D da Campanha de Multivacinação em Santarém
Ação acontecerá nas UBS`s Residencial Salvação, Fátima, Maicá, Santíssimo, Nova República e Santa Clara
Fotografo: Reprodução
Dia D será neste sábado (16) e terá seis pontos de vacinação das 8h às 16h

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), realiza a campanha de multivacinação que vai até o dia 29 de outubro.  

  

Neste sábado (16) será o Dia D das 8h às 16h em seis Unidades Básicas de Saúde (UBS’S): Residencial Salvação, Fátima, Maicá, Santíssimo, Nova República e Santa Clara.   

  

“Temos um grande número de vacinas disponíveis em nosso município através da rede pública. E neste sábado, vamos disponibilizar para crianças e adolescentes que estão com alguma vacina em atraso, a oportunidade de se imunizar. Por isso, convocamos os pais a comparecerem nos pontos e garantir que seus filhos estejam protegidos contra inúmeras doenças”, ressalta Vânia Portela, titular da SEMSA.   

  

No caso da multivacinação, o público alvo são crianças e adolescentes menores de 15 anos, não vacinados ou com esquemas incompletos de qualquer vacina, devem comparecer às unidades de saúde para atualizar a caderneta de vacinação. Serão ofertadas todas as doses do calendário vacinal, exceto a BCG e a vacina contra a covid-19. A iniciativa visa diminuir o risco de transmissão de enfermidades Imunopreveníveis, assim como reduzir as taxas de abandono do esquema vacinal. 

  

Imunizantes disponíveis: VIP, VOP, PENTAVALENTE, HB, PNEUMO, MENINGO C, ROTAVÍRUS, FA, TRÍPLICE VIRAL, VARICELA, DTP, MENINGO ACWY, HPV e DT. 

  

 “É importante os pais levarem seus filhos para manter em dia a vacinação para prevenir doenças.  Sarampo, Febre Amarela, Meningite, Tétano e Rubéola são exemplos de doenças que podem ser prevenidas tomando a vacina. Portanto, ao tomar a vacina, nossas crianças e adolescentes estarão mais protegidos e assim poderemos manter o controle e a erradicação das doenças imunopreveníveis em nosso município”, conclui Kátia Moura, enfermeira da Divisão de vigilância em Saúde (DIVISA). 

 

Por: Weldon Luciano 

Fonte: Portal Santarém 

 

 

 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil