Fotografo: Portal Santarém
...
Estacionamento irregular de carros que transportam mercadorias tumultua o trânsito

Um vai e vem de trabalhadores e passageiros é visto por quem caminha no calçadão da orla de Santarém, em frente à Praça Monsenhor José Gregório (Praça da Matriz).

No local, um porto improvisado provoca caos a transeuntes e condutores de veículos. O movimento de carga de frutas e outros produtos é intenso.

Usuários da orla denunciam que o movimento de embarque e desembarque de cargas e passageiros, no local, começou a aumentar, após a Prefeitura de Santarém desativar o porto da Praça Tiradentes, principalmente no horário de pico, quando as pessoas precisam se deslocar ao centro comercial.

Por conta das operações portuárias feitas por embarcações do transporte intermunicipal, parte da orla da cidade apresenta problemas na estrutura.

Devido ao movimento de veículos que aumentou consideravelmente na Avenida Tapajós, em virtude das operações no porto improvisado, os usuários reivindicam o envio de agentes de trânsito ao local, diariamente, para fazer a orientação, monitoramento e organização da via.

Inconformados com a situação, usuários cobram providências junto aos órgãos competentes de Santarém. 

ORDENAMENTO DO PORTO DE SANTARÉM

As atividades no antigo porto da Praça Tiradentes foram encerradas em julho deste ano, quando dezenas de embarcações foram orientadas a atracar no novo porto do bairro da Prainha, que funciona para embarque e desembarque de cargas e passageiros. Desde a desativação total do porto da Tiradentes para continuação de construção das obras do projeto "Orla". No local do novo porto, os agentes da Secretaria Municipal de Trânsito (SMT) organizaram o trânsito de veículos, o estacionamento de carros e motos foi definido, assim como a parada de táxis e mototáxis. No novo espaço, cerca de 46 embarcações que vêm dos municípios da região, azem o rodízio de atracação. O único problema, é que o novo porto fica distante do centro da cidade e isso dificulta as pessoas que chegam de outras cidades fazerem suas compras. Por isso, muitas embarcações utilizam uma parte da orla em frente à Igreja Matriz, para atracarem, fazendo desse local um verdadeiro caos, principalmente no tráfego de veículos.

O Terminal Hidroviário de Santarém já está com quase 90% de suas obras concluídas e, segundo informações, deve ser inaugurado até o final deste ano.

Por: Manoel Cardoso

Fonte: Portal Santarém