Fotografo: Reprodução
...
Drogas tipo skank e crack foram apreendidas durante operação policial

Na madrugada de quarta-feira, 15, a Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), apreendeu 8 quilos de skank e 500 gramas de crack em uma embarcação que saiu de Santarém-Pará.

O crack estava em uma sacola guardada no “escritório” da embarcação. A droga foi despachada por uma pessoa em Santarém e iria ser retirada por um indivíduo que não apareceu para buscá-la. Já os 8 quilos de skank estavam dentro de uma cuba de peixe, divididos em tabletes de 1 quilo cada, embalados em fitas adesivas e sacos plásticos para não molhar. A cuba trazia os peixes apenas como disfarce para o carregamento ser retirado no porto de Santana sem chamar qualquer atenção da Polícia. O destinatário da droga também não apareceu para buscá-la. 

De acordo com o Delegado Sidney Leite, será instaurado inquérito policial para apurar a autoria dos crimes. 

"Com a liberação de viagens de passageiros e a consequente normalização das rotas fluviais, a Polícia Civil acredita que mais drogas chegarão ao Estado. Por isso, iremos intensificar o trabalho de investigação e fiscalização do meio de transporte fluvial, que tem sido utilizado pelo tráfico de drogas", destacou o Delegado. Com informações e foto da Polícia Civil do Amapá.

Fonte: Portal Santarém