Fotografo: Reprodução
...
Criação da Subseção em Santarém foi aprovada pelo Conselho Seccional no dia 22 de maio de 1979

Nesta sexta-feira-feira, 22 de maio, a Subseção Santarém da Ordem dos Advogados do Brasil, no Pará, completa 41 anos de criação, cada vez mais forte e independente.

Originariamente denominada de "Subseção do Baixo-Amazonas", sua criação surgiu de uma proposta de expansão, de interiorização da Ordem paraense após muita discussão no Conselho Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB-PA.

Por designação do então presidente Joaquim Lemos Gomes de Souza (1977-1981), a relatoria do estudo de viabilidade de criação da "Subsecção do Baixo-Amazonas" coube ao belterrense/santareno,  conselheiro da OAB Pará, Itair Sá da Silva, que o aprovou por unanimidade em sessão ordinária do Conselho Seccional no dia 22 de maio de 1979. Também integrava o Conselho Seccional outro santareno ilustre, Evandro Diniz Soares, o 4º presidente da Subseção Santarém.

O primeiro presidente foi o piauiense de Floriano, Benedito Fernandes da Silva, eleito e empossado no 7 de dezembro de 1979, a mesma data da instalação da Ordem santarena. Também presidiram a Subseção Santarém o cearense José Olivar Azevedo, os paraenses de Santarém José Ronaldo Dias Campos e Evandro Diniz Soares, o paranaense Miguel Borghezan, o paraense de Juriti Antônio Eder John de Sousa Coelho, o gaúcho Rodolfo Hans Geller, a santarena Ana Campos Calderaro, o paranaense José Ricardo Geller e, finalmente, o santareno descendente do Aritapera, Ubirajara Bentes de Souza Filho, o décimo presidente, eleito em 2012, que está no exercício do terceiro mandato (2013-2021).

Nestes 41 anos a Subseção Santarém tornou-se uma instituição de vanguarda na defesa da Advocacia e da sociedade civil; é a voz constitucional da população santarena e regional, abraçando, permanente e intransigentemente, a defesa da Advocacia e das prerrogativas profissionais.

Foi a primeira, é a maior e a mais importante Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil, na Amazônia, contando hoje com quadro de aproximadamente 1600 Advogadas e Advogados ativos, ou seja, regularmente inscritos no âmbito de sua jurisdição, que abrange os municípios de Alenquer, Belterra, Curuá,  Mojui dos Campos, Rurópolis e Santarém (sede).

Fonte: Portal Santarém e Ascom/OAB/Santarém