Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020 - 07:34
08/01/2020 as 10:17 | Por Da Redação | 856
Lixo acumulado gera críticas de usuários da orla de Santarém
Orla é um dos principais cartões postais da cidade e deve ser preservada
Fotografo: Reprodução
No trecho entre os mercados Modelo e Municipal e o Terminal Fluvial Turístico a situação é crítica

Um cenário de desrespeito ao meio ambiente é visto por quem caminha no calçadão da orla de Santarém, às margens do rio Tapajós.

No trecho entre os mercados Modelo e Municipal e o Terminal Fluvial Turístico  (TFT), grande quantidade de lixo sobre a praia, gera críticas de usuários da orla.

A maior parte dos materiais encontrados ao longo da praia são garrafas pet, sacos plásticos, embalagens de comida, metais, latinhas de cerveja, energético e refrigerante, entre outros.

"Santarém é uma cidade muito linda. Deveria ser melhor cuidada. Só que quando a gente chega aqui, se depara logo com esse monte de lixo. Isso tudo acaba ofuscado a beleza da nossa Pérola do Tapajós", declarou a dona de casa, Maelsa Silva, moradora da Cidade de Curuá.

Para os usuários, deveria haver conscientização da população e ação da administração pública, para que a orla de Santarém se mantenha como cartão postal do oeste do Pará.

"Eu venho com frequência em Santarém fazer compras, consultas médicas ou resolver questões bancárias, mas a gente acaba ficando triste quando vê essa sujeira na orla. Parte desse lixo é jogado pelos passageiros de embarcações. A própria população também joga lixo no rio Tapajós. Falta conscientização sim!", exclamou a moradora de Alenquer, Iracema Sampaio.

Para a estudante, Janaína Matos, moradora da Cidade de Óbidos, deve haver união da comunidade com o poder público, para manter a orla de Santarém limpa.

"São as próprias pessoas que sujam a orla. Deve haver conscientização. Isso aqui é um patrimônio nosso. Cabe a nós e a administração pública manter toda essa beleza da orla de Santarém", asseverou, Janaína.

Por: Manoel Cardoso

Fonte: Portal Santarém

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil