Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Segunda-Feira, 30 de Novembro de 2020 - 23:37
20/11/2020 as 09:18 | Por Redação | 193
Festas de fim de ano: decoração requer cuidado com a rede elétrica
A Equatorial Pará dá dicas de como evitar acidentes causados por enfeites piratas e instalações mal adequadas
Fotografo: Reprodução
Em 2019, o Pará liderou o índice de acidentes fatais por choques elétricos na região norte do país, com 27 vítimas no total

A aproximadamente um mês das comemorações tradicionais de fim de ano, é costume a procura por decorações natalinas para ornamentar condomínios, residências, imóveis comerciais, escolas e até hospitais. Por isso, a Equatorial Energia Pará faz um alerta no que se refere à segurança na hora de escolher e instalar equipamentos que podem causar acidentes graves e até fatais.
Só em 2019, segundo os dados do anuário estatístico de acidentes de origem elétrica da Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel), o Pará liderou o índice de acidentes fatais por choques elétricos na região norte do país, com 27 vítimas no total. No ranking nacional, o Estado ocupa o 10º lugar.
Ainda de acordo com o anuário da Abracopel, 90% dos acidentes com morte ocorreram em ambientes residenciais e uma estimativa feita pela Equatorial, a maioria dos casos se dá por falta de conhecimento, distração ou até descasos na hora do manuseio dos enfeites.
O executivo de Segurança da Equatorial Pará, comenta que a primeira atitude para evitar ocorrências desse tipo é chamar um profissional habilitado para fazer a revisão das instalações elétricas internas. “Não é raro de se ver situações de sobrecarga de energia em residências e prédios comerciais. Para solucionar o problema, é importante a presença de um técnico habilitado na hora de realizar as decorações. O dever do profissional é fazer uma revisão das instalações internas do imóvel a fim de evitar a utilização de ‘benjamins’ que interligam vários equipamentos, o que pode eliminar os perigos de acidentes e curtos-circuitos”, complementa.
Alex também ressalta a importância de utilizar produtos certificados nas ornamentações para garantir a segurança de todos. “Enfeites e artigos como cordões luminosos, mangueiras, pisca-piscas e os demais objetos decorativos devem ser de procedência e qualidade certificadas pelo selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) para garantir a segurança de todos os brincantes. Em um ano de tantas tragédias, é importante ficarmos atentos às orientações para que possamos confraternizar com mais segurança”, finaliza.
Outros cuidados são essenciais:
- As ligações desses enfeites devem ficar longe do alcance de crianças e de ornamentações como cortinas, tapetes ou móveis de MDF.
- Artigos decorativos não devem ser instalados próximos aos postes ou fios da rede elétrica.
- Em ambientes externos deve-se atentar para cercas, grades ou qualquer parte metálica.
- Na hora da reutilização dos enfeites é importante conferir a integridade do condutor de energia (fio).
- Emendas e conexões malfeitas devem ser evitadas ao máximo, pois os fios não devem ter seu isolamento (capa protetora) rompido ou conexões e emendas com folga.
- Não deixe os fios no chão, onde há circulação de pessoas, veículos e animais.
Fonte: Portal Santarém e Equatorial Pará




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil