Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Domingo, 23 de Janeiro de 2022 - 02:44
30/11/2021 as 10:52 | Por Redação |
Escritório de advocacia conquista liberdade de acusado criminal no Piauí
O crime teria acontecido na época em que os dois estudavam, juntos, em um colégio daquela cidade
Fotografo: Reprodução
Advogados criminalistas, do escritório Sá Souza Advogados, buscam provar a inocência de um rapaz de 18 anos

Há onze meses, os advogados criminalistas Lucas Sá, do escritório Sá Souza Advogados, Railson Rodrigues e Gabriela Ximendes, ambos piauienses, buscam provar a inocência de um rapaz de 18 anos, investigado por um suposto crime sexual cometido contra uma adolescente de 13 anos, no município de Cocal, no Piauí. O crime teria acontecido na época em que os dois estudavam, juntos, em um colégio daquela cidade. 

 

Desde o momento da acusação, o rapaz não se entregou para ser preso, ficando 11 meses buscando se defender em liberdade, com o risco de ser preso a qualquer momento, reconhece Lucas Sá. A partir de então, dentre as estratégias de defesa pensadas pelos advogados, a principal “foi a de buscar demonstrar ao juiz do processo que o rapaz não tinha interesse de prejudicar o andamento das investigações e que também haveriam medidas mais adequadas que a prisão preventiva”, acrescenta Lucas. 

 

Os advogados pediram o exílio processual do rapaz, para que ele ficasse em uma cidade distante de onde os fatos são investigados, com uso de monitoramento eletrônico. Dessa forma, ele não poderia fugir, nem se aproximaria das testemunhas e da suposta vítima, defende Sá. 

 

“Além disso, contratamos o perito criminal paraense Luiz Malcher para avaliar o caso. E ele emitiu um parecer contundente de que a acusação contra o rapaz não era verdadeira. Então, a combinação destes fatores foi crucial para que o juiz do caso revisse a ordem de prisão e autorizasse que o rapaz pudesse se defender em uma liberdade monitorada até o fim do processo”, comemora Lucas. 

 

O criminalista diz, ainda, que: “Foi uma vitória muito importante, pois acusações de crimes sexuais são muito sérias e mancham o nome de uma pessoa, sobretudo um jovem de 18 anos que nunca respondeu a um processo na vida”. Agora, a expectativa da defesa é para que seja marcada a audiência “para que tudo seja esclarecido e o nosso cliente, ao final, inocentado”. 

 

O escritório Sá Souza advogados, especializado na defesa de acusações de lavagem de dinheiro, sonegação fiscal e julgamentos no Tribunal do Júri, atua em todos os estados do país, tendo sede física em Belém-PA e Brasília-DF para acompanhamento de processos complexos nos Tribunais Superiores. 

 

Texto: assessoria de imprensa escritório Sá Souza Advogados 

Fonte: Portal Santarém 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil