Fotografo: Reprodução
...
Alter do Chão foi uma das praias mais visitadas nestse feriadão

Milhares de pessoas lotaram as praias de Santarém, no oeste do Pará, no fim de semana prolongado. Mesmo com medidas de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19), veranistas de Santarém, de outros centros da região Norte e turistas estrangeiros marcaram presença nas principais praias às margens do rio Tapajós. 
Entre elas, Alter do Chão, Ponta de Pedras, Arariá, Ponta do Taparí, Carapanari, Pajuçara, Juá, Maracanã, entre outras.
Desafiando as regras acerca de aglomerações, pessoas oriundas de cidades vizinhas, de outras regiões do Brasil e de vários países, estiveram nas praias, sem máscaras, nem medidas de distanciamento, em um comportamento de risco que pode levar ao contágio pelo novo coronavírus. 
Quem andou pelas principais praias de Santarém teve quase certeza: a Covid-19 não existe mais na cidade. Apesar dos mais de 400 mortos no Município, os banhistas não fizeram cerimônia no sábado, 10, domingo, 11, e segunda-feira, 12, para aglomerar na areia, desrespeitando o uso de máscaras, com seus copos de bebidas e músicas em caixinhas de som. 
Passando pela orla de Alter do Chão, o que mais chamou atenção, além da beleza da Ilha do Amor, foram famílias que usaram o fim de semana para procurar um momento de lazer e descanso nas praias do “Caribe da Amazônia”.
Contudo, apesar do número de infectados pelo novo coronavírus em Santarém ainda ser alto, o que mais aconteceu nas praias foi o desrespeito a regras de distanciamento e ao uso da máscara, que deve ser utilizada sempre que sair da água. A situação é ainda mais desafiadora em praias menos fiscalizadas por agentes de segurança pública, como é o caso da Praia do Juá. Apesar de ser proibida a realização de atividades em grupo, liberadas apenas atividades físicas individuais, algumas pessoas estavam reunidas, não utilizando equipamentos de proteção. 
Segundo autoridades de segurança, as estradas do Município que levam às margens do rio Tapajós registraram grande fluxo de veículos, neste fim de semana prolongado do feriado de 12 de outubro. Na manhã de domingo 11, a rodovia Everaldo Martins (PA-457) teve tráfego congestionado em alguns trechos.
O fluxo intenso contradiz a orientação do governo estadual de evitar aglomerações no feriado para não aumentar os riscos de contágio pelo novo coronavírus. De acordo com médicos de um hospital público de Santarém, o aumento do tráfego de veículos nas estradas do Município está contribuindo para aglomerações de pessoas nas praias, ocasionando os riscos de contágio da doença.
As praias de Santarém estão liberadas tanto para banho quanto para esportes aquáticos e para a prática de esportes individuais. O uso de cadeiras e guarda-sóis é permitido apenas com medidas sanitárias.
Por: Manoel Cardoso
Fonte: Portal Santarém