Fundador jornalista Jerffeson de Miranda em 10 de janeiro de 2018

Cidadão Repórter

(93)91472925
Santarém(PA), Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020 - 08:01
20/11/2019 as 09:18 | Por Da Redação | 640
Área de captação de água da Cosanpa é destruída em Monte Alegre
Moradores que dependam da Cosanpa, estão comprando água dos caminhões entregadores
Fotografo: Defesa Civil Estadual
Enxurrada derrubou muro, casas de bombas desabaram e os poços foram destruídos

A forte chuva que caiu na cidade de Monte Alegre, no Pará, no último domingo, 17, deixando um rastro de destruição em vários bairros da cidade, também foi a responsável por destruir quase todo o sistema de captação de água da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) no município, deixando a cidade sem abastecimento.

A enxurrada derrubou o muro da área de capitação de água e por onde passou foi destruindo tudo que havia na frente. Os postes que levavam energia para o local foram arrancados, as casas de bombas desabaram e os poços destruídos e soterrados.

A Cosanpa de Monte Alegre estava com 30 poços em pleno funcionamento e mais 20 poços em obras, somente 2 desses poços sobraram após a enxurrada. A lama com areia tomou conta das Casas de Bombas destruindo as baterias de poços. Os dois que restaram não sabe ainda se vão funcionar, somente após a religação da energia poderá se avaliar o tamanho dos estragos, quando serão ligados os equipamentos que sobraram e avaliar o que ainda conseguirá operar.

Na terça-feira, 19, chegou na cidade de Monte Alegre, uma equipe de diretores e fiscal de obras da Cosanpa, para avaliar os estragos causados pela enxurrada. Já estava na cidade, uma equipe da Cosanpa de Santarém que em conjunto com a Prefeitura de Monte Alegre e Celpa, estavam desobstruindo a via de acesso da área de capitação e colocando novos postes para reestabelecer o fornecimento elétrico. Uma equipe do Corpo de Bombeiro, Defesa Civil Estadual e Municipal esteve visitando a área de capitação da Cosanpa registrando os estragos que ajudam na consolidação do Decreto de Situação de Emergência.

As obras de uma empresa contratada pela Cosanpa para fazer a tubulação e nova rede de distribuição de água, também foram danificadas com a enxurrada.

Com a destruição, os moradores de Monte Alegre que dependam do fornecimento de água da Cosanpa, estão comprando água dos caminhões entregadores, que com a demanda, tem fornecedor trabalhando 24 horas por dia, e mesmo assim não conseguem atender a toda população sem água na cidade.

O prefeito de Monte Alegre, Jardel Vasconcelos, decretou Situação de Emergência, na terça-feira, 19. Com informações de Genival Cardoso.

Fonte: Portal Santarém

 

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil