Fotografo: Reprodução
...
Objetivo é ampliar as oportunidades de compra para a população

Para garantir a comercialização para os agricultores, muitos deles ligados à produção familiar, a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e o Sindicato e Organização das Cooperativas do Brasil no Pará (Sistema OCB/PA) estão desenvolvendo um aplicativo que vai mapear pontos de venda, disponibilidade e preço de produtos e modalidade de compra.

Com o apoio infraestrutural da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedep) serão montadas feiras da agricultura familiar em alguns pontos de Belém, que serão mapeados na plataforma. Pelo aplicativo, o consumidor poderá ver a disponibilidade e preço das mercadorias e fazer a encomenda e vai se deslocar ao local apenas para retirar o produto, como um drive-thru.

O objetivo, além do escoamento da produção dos agricultores, é ampliar as oportunidades de compra para a população, que busca alternativas frente ao avanço da pandemia do covid-19.

A população terá acesso a uma produção diversificada. Das 62 cooperativas do ramo agropecuário regulares no Sistema OCB/PA, 46% atua com fruticultura em geral, 38% com hortaliças, 29% com mandioca e derivados. Também atuam com cacau e derivados, oleaginosas, insumos, grãos e produtos de origem animal.

Para esses 3.600 cooperados envolvidos em cooperativas agropecuárias no Pará, além dos 753 empregados, o aplicativo será uma alternativa para que continuem produzindo e para que a produção não seja perdida. Em sua maioria, a principal renda das cooperativas é oriunda dos planos governamentais de aquisição da merenda escolar, em especial o Pnae e PAA. Diante da suspensão das aulas, muitos cooperados foram diretamente afetados.

“É indispensável que criemos meios para possibilitar que nossas cooperativas continuarem trabalhando. Estamos acompanhando singulares com a produção parada, não possuem mercado para quem consigam dar vazão. É certo que o consumo não diminuiu. Precisamos apenas encontrar meios de chegar aos consumidores e a tecnologia vem nos apoiar neste sentido”, explicou o presidente do Sistema OCB/PA, Ernandes Raiol.

O aplicativo já está em fase de desenvolvimento pela área de tecnologia da informação da Ufra.

Fonte: Portal Santarém e Ascom Sistema OCB/PA